“Não somos o resultado do que nos aconteceu, mas sim da forma como reagimos ante tais circunstâncias”. Isso “transfere o foco da prática terapêutica do conteúdo da experiência para a maneira de reagir frente a ela, especialmente no que se refere aos padrões fixos e repetitivos de reação”. Alejandro Spangenberg _ Um Caminho de Volta Para Casa – 2006.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.